Em 29/11/2006, às 08:49, Ricardo L. A. Banffy escreveu:

O Exchange é bem mais do que e-mail com agenda - ele é uma infra de workflow razoavelmente poderosa e, pelo menos alguns anos atrás, bem sacal de programar.

Hmmm... O adjetivo "poderosa" eu colocaria com um certo cuidado, já q engines mais especializadas e nem tão caras assim são mais versáteis. Como vc mesmo disse, fazer workflow no Exchange é penoso (eu tive minha fase de fazer isso usando VB no Exchange 5.5 há 6 ou 7 anos atrás e pra mim bastou). Há um programinha no Office 2003 pra tentar melhorar isso, o tal do OneNote ou algo assim, não é?

De qqr forma, meu pto é q, mesmo q vc não use os recursos de workflow dele (e conheço poucos q efetivamente usam - e qdo usam, tem uma camada de software de terceiros para abstrair a complexidade da API), migrar as msgs e compromissos é bem complicado (a partir de certo volume), pq se trata de um banco de dados próprio, ao invés de um formato mbox da vida, por explo, ou um iCal. Assim, pelo q vi por aí, migrar para fora do Exchange (mesmo sem usar a engine de workflow) não é tarefa trivial.

Coitados. Digo isso de coração - tenho clientes que usam.

Vide a esplanada dos Ministérios em Bsb . . . :-)

[ ]s,

olival.junior

_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista:
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a