On 5/10/07, Alexandre Oliva <[EMAIL PROTECTED]> wrote:
A pergunta mais lógica seria, por que você NÃO liberaria?


Por que "Entre nós predominam os hábitos ruins e prejudiciais ". E
ninguém recrimina isso.

No sutra budista Agañña[1], que é uma versão budista do gênese, fala assim:

(...)
" E depois que as trepadeiras haviam desaparecido, o arroz surgiu no
campo aberto, livre de pó e das cascas, perfumado e limpo. E aquilo
que eles colhiam para a janta amadurecia novamente na manhã seguinte e
aquilo que eles colhiam para o café da manhã amadurecia novamente à
noite, sem qualquer indício de colheita. "
(...)
"Agora, ocorreu a um daqueles seres que tinha a propensão pela
preguiça: "Bem, porque devo me preocupar em colher o arroz ao
anoitecer para o jantar e pela manhã para o café da manhã? Porque não
colho tudo de uma vez para ambas as refeições?" E assim ele fez. Então
um outro se aproximou dele dizendo: "Venha, vamos colher arroz." "Não
é necessário, meu amigo, eu já colhi arroz suficiente para ambas as
refeições." Então o outro seguindo o exemplo do primeiro, colheu de
cada vez arroz suficiente para dois dias, dizendo: "Isso deve ser o
suficiente." Então um outro veio dizendo para o segundo: "Venha, vamos
colher arroz." "Não é necessário, meu amigo, eu já colhi arroz
suficiente para dois dias" (o mesmo para 4, depois 8 dias). No
entanto, quando esses seres passaram a armazenar o arroz e viver
disso, o pó e as cascas começaram a envolver o arroz e onde o arroz
era colhido ele não mais crescia, e era possível notar onde havia
ocorrido a colheita, e o arroz passou a crescer em pencas isoladas."
(...)
" 'E então aqueles seres se reuniram lamentando: "Entre nós predominam
os hábitos ruins e prejudiciais : inicialmente nós éramos feitos de
mentalidade, alimentados pelo êxtase … (todos os eventos repetidos até
o último, sendo cada nova mudança atribuída aos 'hábitos ruins e
prejudiciais') … e o arroz passou a crescer em pencas isoladas. Então,
agora vamos dividir o arroz em áreas delimitadas." E assim eles
fizeram.

'Então, Vasettha, um ser com a natureza cobiçosa, enquanto tomava
conta do seu pedaço de terra, tomou um outro lote que não lhe havia
sido dado e desfrutou dos frutos desse lote. Devido a isso ele foi
agarrado e lhe disseram: "Você fez uma coisa maldosa, apoderando-se de
um lote de uma outra pessoa! Jamais faça isso outra vez!" "Eu não
farei," ele respondeu, mas ele fez a mesma coisa uma segunda e uma
terceira vez. E novamente ele foi agarrado e criticado e alguns o
golpearam com os punhos, alguns com pedras e outros com paus. E dessa
forma, Vasettha, o tomar aquilo que não foi dado, censura, mentira e
punição, tiveram a sua origem.

Então aqueles seres se reuniram e lamentaram o surgimento daquelas
coisas ruins entre eles: tomar aquilo que não foi dado, censura,
mentira e punição. E eles pensaram: "E se nós nomeássemos alguém que
mostrasse raiva quando a raiva fosse devida, censurasse aqueles que
devessem ser censurados e banisse aqueles que merecessem ser banidos!
E como recompensa nós lhe déssemos uma parcela do arroz." Assim eles
se aproximaram daquele que entre eles possuía os mais finos atributos,
o mais admirável, mais agradável e capaz, pedindo que fizesse aquilo
por eles em retribuição por uma parcela de arroz, e ele aceitou.

"A escolha do Povo" é o significado de Maha-Sammata, que foi o
primeiro título introduzido. "Senhor dos Campos" é o significado de
Khattiya, o segundo título. E "Ele satisfaz a todos com o Dhamma" é o
significado de Raja, o terceiro título a ser introduzido. Esta, então,
Vasettha é a origem da classe dos Khattiyas, de acordo com os títulos
ancestrais que lhes foram conferidos. Eles se originaram dentre estes
mesmos seres, tal como nós, sem diferenças e de acordo com o Dhamma,
não de outra forma."
(...)



Quem quiser dar uma olhada no texto completo:

[1] http://www.acessoaoinsight.net/sutta/DN27.php

--

A ignorância é um mecanismo que capacita um tomate a saber de tudo.


          "Que os fontes estejam com você..."

Glauber Machado Rodrigues
PSL-MA

jabber: [EMAIL PROTECTED]
_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista: 
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a