Quando a maioria não pensa duas vezes antes de subornar um funcionário
corrupto para obter facilidades, quem está errado? A dupla
corrupto-corruptor ou a lei que proíbe isso e não é respeitada?

2009/2/17 Filipe Saraiva <filip.sara...@gmail.com>:
> Quando a grande maioria de uma comunidade faz algo que é um hábito, já é
> costume, e o modelo judiciário taxa esse algo como crime, onde está o
> problema? Na comunidade ou na lei?
_______________________________________________
PSL-Brasil mailing list
PSL-Brasil@listas.softwarelivre.org
http://listas.softwarelivre.org/mailman/listinfo/psl-brasil
Regras da lista:
http://twiki.softwarelivre.org/bin/view/PSLBrasil/RegrasDaListaPSLBrasil

Responder a